blog-post-velocidade

Velocidade da obra estrutural e convencional: qual é a diferença?

Você sabia que cada sistema construtivo tem sua própria velocidade da obra? Entenda e faça uma escolha informada de qual é a melhor opção para você!

Além do orçamento, o tempo de construção é uma das primeiras coisas a se definir antes de erguer uma edificação. Afinal, é assim que se determina o prazo de cada etapa. E a escolha do sistema construtivo influencia na velocidade da obra.

Então, o décimo terceiro vídeo da série “Erros que você não pode cometer na sua obra” fala sobre a diferença entre obra estrutural e convencional quanto à duração de cada uma. Confira as dicas da engenheira civil Marcia Mello!

Qual é a diferença entre obra estrutural e convencional?

A obra estrutural é aquela em que as próprias paredes suportam o peso e o transmitem para as fundações. Assim, as lajes ficam apoiadas diretamente sobre as paredes.

Por outro lado, na obra convencional, há a necessidade de construir estruturas em concreto armado para tornar a edificação mais resistente. É o caso de vigas e pilares, por exemplo. Ou seja, as paredes em si não têm função estrutural.

Como o sistema construtivo influencia a velocidade da obra?

Sem dúvida, a velocidade da obra estrutural é bem maior do que a convencional. Isso porque tanto as estruturas quanto as paredes já são construídas ao mesmo tempo.

“É muito legal quando você tem dois prédios parecidos próximos. Você vai ver como a obra de alvenaria estrutural já está pronta, enquanto a de concreto armado ainda está lá, sendo feita. Essa velocidade de obra é em torno de 20% mais rápida em alvenaria estrutural do que no concreto armado”, explica Marcia.

A especialista afirma ainda que essa entrega mais rápida da obra se dá porque a obra estrutural tem menos etapas, exige menos insumos e profissionais. “A produtividade da mão de obra também é muito maior, porque ela só tem que fazer a alvenaria, não precisa fazer as peças de concreto armado. Então, é uma obra muito mais produtiva, de maior velocidade e mais racional”, afirma.

Racionalização da obra estrutural

No entanto, Marcia ressalta que um resultado de sucesso só será obtido se tanto o projeto quanto a execução forem adequados.

“Não adianta você só fazer o projeto e não executar da forma como precisa. Nem fazer o projeto e usar um bloco que não é adequado. Então, é um sistema com passos que devem ser seguidos para que realmente aconteça essa racionalização”, diz a engenheira civil.

Acelere sua construção com a Cerâmica Ermida!

A Cerâmica Ermida é uma empresa moderna, que usa tecnologia de ponta a fim de fabricar produtos de qualidade. Dessa forma, nossos blocos cerâmicos têm ótimo custo-benefício e ainda permitem aumentar a velocidade da obra.

Isso porque as peças são regulares e com superfície ampla, permitindo um assentamento rápido e simples. Além disso, seus furos permitem que as instalações elétricas e hidráulicas sejam embutidas enquanto a alvenaria é executada, sem necessidade de recortes posteriores.

Conheça nossos produtos e solicite agora mesmo um orçamento sem compromisso!