post-norma-de-desempenho

Norma de desempenho: o que é e como a Cerâmica Ermida avalia produtos

Se você quer o melhor para a sua obra, além de evitar dor de cabeça no futuro, o ideal é procurar materiais de construção que sigam a norma de desempenho.

Na hora de construir ou reformar, todo cuidado é pouco, principalmente quando se trata de uma obra estrutural. Por isso, é necessário escolher os materiais que serão empregados por meio de critérios rigorosos.

A fim de obter uma edificação com ótima aparência, boa funcionalidade e que atenda aos padrões básicos para a sua utilização diária, o ideal é adquirir produtos que sigam a norma de desempenho. Ou seja, eles devem atender a uma série de requisitos que comprovam sua qualidade.

Dessa maneira, é possível atestar que a construção será durável, terá custos de manutenção baixos e não apresentará problemas graves no futuro. Confira, em seguida, o que é norma de desempenho e como ela se aplica aos blocos da Cerâmica Ermida.

O que é norma de desempenho?

O desempenho é, em síntese, o comportamento em uso de uma edificação e de seus sistemas. Em outras palavras, é a maneira como a construção suporta os fatores externos aos quais é submetida com o passar do tempo, como variações de temperatura, umidade, desgastes provocados pelo usuário, entre outros.

Um dos sistemas ao qual os requisitos de desempenho podem ser aplicados é a vedação vertical, que pode ser tanto interna quanto externa. Esse tipo de vedação envolve a parede de alvenaria, que por sua vez é composta por blocos cerâmicos, argamassa de assentamento, portas, janelas, bem como os revestimentos empregados.

Só para exemplificar, um material deve ser projetado levando em consideração as etapas abaixo:

  • Requisitos do usuário – são as necessidades do projeto e de seu sistema, de acordo com a função que será dada para a edificação. Na alvenaria de vedação, por exemplo, os requisitos são segurança estrutural, segurança contra incêndio, estanqueidade, desempenho térmico, desempenho acústico, durabilidade e manutenibilidade;
  • Condições de exposição – é tudo aquilo que age sobre a edificação habitacional, incluindo cargas gravitacionais, ações externas e ações resultantes da ocupação;
  • Requisitos de desempenho – tratam-se das condições qualitativas que o edifício ou o sistema deve possuir;
  • Critérios de desempenho – consiste em uma especificação quantitativa do requisito de desempenho;
  • Método de avaliação – é feita uma mensuração clara do cumprimento de todos os requisitos.

Como avaliar desempenho?

A avaliação é realizada por meio de métodos padronizados e consistentes, que podem ser reproduzidos, conforme descrito em cada parte da norma de desempenho. Assim sendo, precisa ser executada por instituições de ensino ou de pesquisa, laboratórios especializados, empresas de tecnologia, equipes multiprofissionais ou profissionais de reconhecida capacidade técnica.

Essa análise deve ser feita em um sistema – isto é, na maior parte funcional de um edifício, como a vedação vertical, por exemplo. Os sistemas são compostos por um conjunto de elementos – ou seja, por partes com funções específicas, como uma parede de alvenaria feita de blocos cerâmicos. Os elementos, por sua vez, são feitos de componentes – que são a unidade integrante de determinado elemento da edificação, como é o caso de um bloco de cerâmica na parede.

De que forma isso se aplica ao bloco cerâmico?

O bloco cerâmico é um dos principais componentes da vedação vertical e, desse modo, precisa ter um alto padrão para garantir a qualidade da obra. Seu comportamento deve seguir os requisitos descritos na Norma de Desempenho ABNT NBR 15575 “Edificações Habitacionais – Desempenho – Parte 1”.

Publicada em 2013, essa norma de desempenho é ampla e se refere também ao sistema de vedação. Esse sistema, além de conter blocos cerâmicos, também é formado por mais componentes, como tipo de argamassa para assentamento, espessura e tipo de acabamento, assim como portas e janelas. Já que existem diversos elementos envolvidos, há também uma infinidade de combinações possíveis entre eles.

Acima de tudo, a vedação projetada adequadamente, com blocos de cerâmica normalizados, tem seu desempenho comprovado ao longo do tempo.

A publicação das Fichas de Avaliação de Desempenho (FAD) dos blocos cerâmicos tem como objetivo facilitar a decisão do construtor na escolha de um sistema construtivo, fornecendo dados técnicos de uma estrutura usual.

No entanto, o projetista deve especificar a solução técnica de vedação desde a fase de concepção do empreendimento, levando em conta a largura do bloco cerâmico, as portas, as janelas e os revestimentos disponíveis no mercado regional para atender aos diversos requisitos. Cada edificação tem a sua especificidade e deve ser analisada individualmente.

Por que usar o bloco da Cerâmica Ermida?

Por fim, a Cerâmica Ermida tem cinco décadas de tradição e experiência na fabricação de produtos para a construção civil. Nossos blocos têm alto padrão, apresentam certificado de qualidade, estão dentro das normas de desempenho e se destacam quanto aos resultados de acústica.

Quer garantir a qualidade da sua obra e utilizar os blocos cerâmicos com o melhor custo-benefício do mercado? Então, clique aqui, entre em contato com os especialistas da Cerâmica Ermida e peça o seu orçamento!